• Guri e Guria
  • Barriga Verde
  • Blue Sun

18 de janeiro de 2020

Veja como criar uma rotina e estabelecer metas pode dar mais leveza e produtividade a essa tarefa
Procurar emprego não é tarefa fácil. Afinal, quem está desempregado enfrenta não apenas a falta de dinheiro, mas também a falta de uma ocupação – ou seja, sentir-se útil.
É por isso que algumas atitudes são imprescindíveis nessa fase para manter a autoestima. Coisas simples como acordar cedo, exercitar-se e encarar a sua recolocação com um trabalho podem ajudar muito.
Veja como você pode tornar esse período mais produtivo.

Como procurar emprego da melhor forma:
1. Estabeleça rotinas e metas – para tornar a busca por uma recolocação um período produtivo é preciso encarar a tarefa como trabalho. Ou seja, estabeleça rotinas, procedimentos e metas. Afinal, procurar trabalho requer dedicação.

2. Organize a agenda – a procura exige persistência e perseverança. Hoje em dia, as vagas estão dispersas em sites de empresas e empregos, e nas redes sociais. É preciso dedicar boa parte do tempo procurando, fazendo uma triagem, preenchendo questionários, escrevendo cartas de apresentação, enviando e-mails e fazendo ligações. Por isso, organize seu tempo, faça uma agenda e, principalmente, crie mecanismos de acompanhamento. Esteja atento às novas oportunidades, novos negócios na cidade.

3. Tenha prioridades – desempregado, finalmente você vai ter tempo para ajudar na casa, acompanhar atividades dos filhos, fazer check-ups e, quem sabe, até exercícios físicos. São atividades importantes, sem dúvidas, que podem devolver aquela sensação de utilidade que muitas vezes nós perdemos quando não estamos empregados. No entanto, é preciso organizar a agenda para não perder de vista seu objetivo principal, que é se recolocar no mercado. Certo? Então, tenha disciplina e dedique tempo a essas tarefas depois de cumprir suas retas e rotinas estabelecidas no item 1.