• peça uma tele
  • Cristal luz
  • Valdo

4 de julho de 2020

Estamos numa época de novos desafios, convivência familiar e restrições de vida social. Neste novo normal, possibilidades aparecem no interior dos nossos lares, com a convivência mais contínua entre esposos, irmãos, pais e filhos.
Crianças e adolescentes estudando à distância, ficando mais tempo em casa, situação que requer adaptação de todos, é necessário dar atenção e criar brincadeiras para entretenimento em casa.
De maneira geral, dê atenção para três pontos importantes para a convivência entre pais e filhos neste tempo de isolamento:
– programe-se para todos os dias, dedicar um tempo de qualidade para estar com a criança;
– permita que a criança participe da organização da casa, delegando pequenas tarefas, de acordo com a sua idade, mostrando que ela tem seu envolvimento nesta nova rotina.
– cuide para que a facilidade dos recursos audiovisuais não façam com que os dias da criança sejam de muito tempo diante da tv, tablet e smartphone.

– Experimente preparar um pão caseiro e peça a ajuda da criança. Faça com que ela repare nas propriedades de cada ingrediente e ponha a mão na massa – depois de lavar bem as mãos.
– Sugira que a criança escreva uma carta para si mesma que deverá ser aberta daqui a cinco ou dez anos ou quando ela completar determinada idade. Guarde-a bem!
– Caça ao tesouro: faça um mapa com dicas, perguntas e brincadeiras até o tesouro, espalhando pistas pela casa e no final, uma pequena surpresa.
– Conhecendo as raízes: percorra os álbuns de família com a criança, contando a história de seus avós, seus pais e de vocês. Depois disso, a criança pode fazer a árvore genealógica da família ou uma linha do tempo com as datas importantes e fatos marcantes, é uma lembrança para ser guardada com carinho.